APAE SUSPENDE ATENDIMENTO NA FISIOTERAPIA POR FALTA DE VERBAS EM URUGUAIANA

2 de setembro de 2016

Tags:Uruguaiana
Foto:Reprodução

Um comunicado emitido ontem tornou público o que não é mais possível manter apenas como uma questão interna: a diretoria da Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) decidiu paralisar o atendimento no Setor de Fisioterapia por tempo indeterminado devido a falta de repasse de dívida da Administração Municipal. O presidente da APAE José Roberto Machado informou à reportagem do jornal Diário da Fronteira, que o município não pagou R$ 38 mil referentes a 2015. Esse valor seria usado para o pagamento dos salários de duas fisioterapeutas, de um médico neurologista e de um pediatra.

O não repasse das verbas que levou a paralisação dos serviços prejudica o atendimento diário de 34 pessoas, a maioria crianças carentes. Machado disse que no dia 12 deste mês, o Governo Municipal acenou com a quitação da dívida e na última segunda-feira (29), em audiência na prefeitura, o pagamento foi confirmado. No entanto, a entidade recebeu na conta apenas R$ 6.000,00. “Essa foi uma verba vinculada que não pode ser usada para o pagamento de profissionais na área de saúde, mas somente aplicada em assistência social, o que foi feito”, ressaltou o presidente.(Diário da Fronteira)

Ao Vivo - Rádio Carazinho