ASSENTADOS DO PASSO NOVO BLOQUEIAM ENTRADA E TRANCAM A PASSAGEM DE ÔNIBUS ESCOLARES

26 de abril de 2016

Tags:Alegrete
Foto: Paola Nunes


Integrantes de dois assentamentos no Passo Novo, Unidos pela Terra e Novo Alegrete, bloquearam no início da madrugada, desta segunda-feira(25), por volta das 5h30min., a estrada principal que liga Passo Novo ao Rincão do São Miguel. Eles impediram a passagem dos ônibus escolares.

De acordo com um dos organizadores, Sergio Melo, eles estão reivindicando junto à Prefeitura de Alegrete melhorias na estrada e a entrega dos maquinários que estão de posse do Executivo.




A reportagem não conseguiu contato com o Secretário de Infraestrutura, Antônio Carlos Calovi, para saber que maquinário é esse que os assentados reivindicam e  quando esses trechos de estrada receberão manutenção.

Os integrantes dos dois núcleos que estão promovendo o bloqueio da estrada, afirmam que 150 pessoas já estão no local e outros membros de assentamentos da região estão se deslocando até à localidade. Eles dizem que desta vez querem uma solução para seus pleitos e que não há previsão para liberar os dois ônibus que estão retidos no local. No final desta manhã, a Prefeitura se posicionou sobre o assunto por meio de nota.



A Prefeitura do Alegrete se surpreendeu na manhã desta segunda-feira (25) com o bloqueio de dois ônibus por um grupo de assentados do assentamento Unidos Pela Terra, impedindo o acesso de cerca de 75 alunos à Escola Estadual Barros Cassal, EMEI Alda Crespo e EMEB Alfredo Soares Leães (Polo Educacional do Rincão de São Miguel).



A medida causa estranhamento devido ao acordado na última semana entre Administração Municipal e associação de assentados para a retomada do trabalho nas estradas e açudes da localidade. Respondendo à reivindicação trazida pelos produtores, a Secretaria de Agricultura e Pecuária informou que não há possibilidade técnica de trabalho das máquinas enquanto o tempo estiver chuvoso, porém houve a garantia de recomeço imediato assim que houver tempo seco.



O município reafirma tal compromisso e solicita a liberação dos veículos, para que outros 65 alunos dos turnos da tarde e noite também não sejam prejudicados.



Fonte: Alegrete Tudo 

Ao Vivo - Rádio Carazinho