Com gols nos acréscimos, Brasil de Pelotas vence o Tupi na série B

13 de junho de 2016

Foto: Divulgação/Brasil-Pel

O Brasil de Pelotas recebeu o vice-lanterna Tupi no estádio Bento Freitas e, quando a partida se encaminhava para o 0 a 0, conseguiu garantir os três pontos. Em uma partida com baixo nível técnico, o time da casa contou com a estrela de Felipe Garcia para vencer por 1 a 0.
Em partida de estreia do técnico Estavam Soares, que chegou para substituir Ricardo Drubsky, o Tupi pareceu que iria segurar o Brasil, porém, o time gaúcho conseguiu manter a invencibilidade jogando em casa graças a um gol do atacante Felipe Garcia, que marcou o gol da vitória aos 46 minutos do segundo tempo. No final de jogo, atletas do Tupi chegaram a discutir entre si. Enquanto o técnico Rogério Zimmermann, do Brasil, foi comemorar o resultado com os torcedores. Com a vitória, o Xavante chegou a 14 pontos na competição e subiu para a quinta colocação. O Brasil enfrenta o Ceará, fora de casa, na próxima rodada. Já o Tupi amarga a última posição da Série B. Com apenas três pontos, os mineiros passam por uma situação delicada, e apostam suas fichas na próxima partida, contra o Luverdense, jogando em casa.
O jogo – A partida começou muito morna, com o Brasil chegando pouco à frente. A única boa chance dos minutos inciais foi aos 15, quando o meia Weldinho avançou com liberdade e arriscou de perna direita. O goleiro Rafael Santos apenas olhou a bola, que passou tirando tinta da trave direita.
Apenas a partir dos 25 minutos que o duelo ficou mais aberto, mas mesmo assim, a falta de criatividade interrompia as chances criadas pro ambas as equipes.
Na segunda etapa, o duelo passou a ficar mais aberto, com o Tupi mais ligado. Logo aos dois minutos, Ramon tirou do goleiro e mandou para a área, mas ninguém do Brasil acompanhou a jogada e o time desperdiçou um bom ataque.
O Tupi respondeu na mesma moeda. Vinícius Kiss apareceu bem colocado, mas finalizou muito forte e mandou a bola pela linha de fundo. Aos 18 minutos, a primeira oportunidade de gol para o time mineiro. Após boa jogada, Bruno Costa arriscou de fora da área, a bola desviou no marcador e quase surpreendeu o goleiro Eduardo Martini.
Quando a partida já se encaminhava para um 0 a 0, o Brasil de Pelotas mostrou porque é tão forte em casa. Marlon cobrou falta na área e o atacante Felipe Garcia subiu com liberdade para testar firme e balançar as redes. O goleiro Rafael Santos chegou a tocar na bola, mas não evitou a derrota do time mineiro por 1 a 0.
FICHA TÉCNICA 
BRASIL DE PELOTAS (RS) 1 X 0 TUPI (MG)
Local: Estádio Bento Freitas, em Pelotas (RS) 
Data: 11 de junho de 2016, sábado 
Horário: 16h (de Brasília) 
Árbitro: José Laranjeira (AL-CBF) 
Assistentes: Nadine Bastos (SC-Fifa) e Esdras Albuquerque (SP-Fifa) 
Cartões amarelos: Marcos Paraná (Brasil-RS); Rafael Santos e Hélder (Tupi) 
Gols: Felipe Garcia aos 46 minutos do segundo tempo (Brasil-RS)
BRASIL-RS: Eduardo Martini; Weldinho (Galiardo), Leandro Camilo, Teco e Marlon; Leandro Leite, Washington e Diogo Oliveira (Clébson); Marcos Paraná (Nathan), Felipe Garcia e Ramón. 
Técnico: Rogério Zimmermann
TUPI: Rafael Santos; Henrique, Heitor, Hélder e Bruno Costa; Rafael Jataí, Recife, Marcos Serrato (Filipe Alves), Marcos Serrato e Vinícius Kiss; Giancarlo (Ygor) e Thiago Silvy (Jonathan) 

Técnico: Estevam Soares
(Gazeta Esportiva)

Ao Vivo - Rádio Carazinho