EX-PRESIDENTE FERNANDO HENRIQUE CARDOSO CONTRARIA PSDB E DEFENDE EXISTÊNCIA DO PT

25 de janeiro de 2016

Foto: Fabio Braga/Folhapress
Depois de o PSDB protocolar na Procuradoria-Geral Eleitoral uma representação pedindo a extinção do PT, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso saiu em defesa do partido da presidenta Dilma Rousseff. “O PT representa parcelas da opinião brasileira e, como tal, melhor que continue ativo, que se livre das mazelas que o acometem e que o PSDB se prepare para vencer ele nas urnas”, afirmou neste domingo (24).
Embora diga que não haveria razão para ser consultado sobre a ação, já que não faz parte da “hierarquia formal de mando do PSDB”, o ex-presidente afirmou que, se consultado, “diria ser mais apropriado deixar que os procuradores cuidem desse tema”.
“O PSDB já fez o que lhe cabe: uma consulta ao Tribunal Superior Eleitoral sobre o uso de recursos ilícitos na campanha de 2014. Da resposta afirmativa a essa investigação pode até mesmo caber nulidade de registro partidário. Se a lei assim dispuser, nada a fazer, senão cumpri-la.” O ex-presidente voltou a dizer que o avanço do processo de impeachment de Dilma ficou difícil, citando problemas de congressistas na Justiça.
“Em um Congresso cujos chefes principais estão sob suspeita judiciária e que, eventualmente tenham usado o impeachment como manobra de defesa de seus interesses e não por sua legitimidade intrínseca, ficou difícil separar alhos de bugalhos”, afirmou o tucano.

Ao Vivo - Rádio Carazinho