Força Nacional de Segurança atuará para diminuir os homicídios no País, que registrou em 2015 mais de 58 mil mortes por assassinatos

31 de outubro de 2016

Tags:Brasil
Foto: Arquivo
A Força Nacional de Segurança deverá ser a principal forma de atuação do governo federal para tentar diminuir o número de homicídios no País: em 2015, aconteceram 58.383 casos. Sem efetivo próprio, as equipes são convocadas pelos Estados e deverão ser direcionadas para bairros que concentram ocorrências de assassinatos em cerca de dez cidades mais violentas. A medida integrará o Plano Nacional de Segurança.
O presidente Michel Temer anunciou liberação de 778 milhões de reais para atuação da Força, repasses aos Estados e aprimoramento e construção de penitenciárias. A ideia é estruturar um modelo de enfrentamento da crise de segurança. Novas reuniões com a participação da cúpula dos três Poderes – Executivo, Legislativo e Judiciário – deverão ocorrer a cada quatro meses para avaliar os avanços e implantação das medidas.
Criada em 2004 para atuar em grandes eventos e em casos emergenciais, a tropa passou a ser cada vez mais indispensável aos Estados os quais dependiam do reforço federal para manutenção da segurança.(O SUL)

Ao Vivo - Rádio Carazinho