GRÊMIO GANHA DO TOLUCA POR 1 A 0

20 de abril de 2016

 Foto: Fabiano do Amaral
O Grêmio dominou o Toluca no primeiro tempo e controlou a segunda etapa para vencer por 1 a 0, na noite desta terça-feira na Arena. Os mexicanos pouco ameaçaram a meta de Marcelo Grohe numa partida que gera confiança para as oitavas de final da Libertadores.
Com o resultado, os comandados de Roger Machado chegam a 11 pontos, encaminhando classificação como um dos melhores segundos colocados. O Toluca estacionou nos 13 pontos, ainda líder. Na próxima quinta-feira, o Grêmio enfrenta o Juventude, pela semifinal do Gauchão. Pela Libertadores, aguarda a definição das chaves para o mata-mata.
O Tricolor controlou a primeira etapa e girou bem a bola para criar vantagem em cima dos mexicanos. Abriu o placar ao natural e sofreu apenas um susto no fim da etapa, que Marcelo Grohe colocou nos eixos.
Tricolor envolve e abre o placar
Os primeiros minutos tiveram o Toluca atrás da linha da bola, mas sem conseguir evitar ataques do Grêmio, com boa circulação de jogadas. Na primeira chance, Douglas recebeu no meio, protegeu do marcador e fez grande lançamento para Marcelo Oliveira. O lateral tentou o chute, mas mandou em tiro de meta.
Aos 14, o mesmo Douglas recebeu de Bobô e disparou um chute forte de longe. Passou do goleiro Sanchéz, mas também desviou por pouco do ângulo esquerdo. Um minuto depois, entretanto, não teve apelação. Em aparente jogada ensaiada, Luan lançou na área, Ramiro correu da direita e apareceu sozinho para escorar de cabeça no fundo do gol.
A equipe gremista continuou mandando na partida e quase ampliou com Luan aos 18 minutos. Giuliano cruzou da direita, Ramiro ajeitou para Luan e o atacante chutou tirando tinta do poste direito. Aos 36, Bobô recebeu na intermediária, correu para a meia-lua e chutou forte, perdendo o gol por muito pouco.
A primeira resposta do Toluca veio em seguida. Luan perdeu bola na direita e Gamboa foi lançado. Livre na área, ele armou o chute, mas Grohe surgiu no abafa e evitou o gol.
Toluca avança, mas não assusta
No segundo tempo, o Tricolor claramente reduziu a marcha. Logo de saída, Roger poupou Geromel e lançou Bressan. O Toluca passou a marcar mais em cima e dificultou a armação de jogadas.
Ainda assim, aos 13, Douglas não marcou por pouco. Ele foi lançado nas costas da zaga e por centímetros não conseguiu desviar de Sanchéz, que afastou com os pés. Mais perigoso, o Toluca teve perto de empatar com Arellano, aos 19. Ele chutou forte, cruzado, mas saiu para tiro de meta.
Novas trocas pouparam Douglas, que foi substituído por Lincoln, e Bobô, com a entrada de Henrique Almeida. E foi o centroavante que quase ampliou aos 27. Luan recuperou bola na linha de fundo e cruzou na pequena área. Saiu um pouco forte e Henrique Almeida se atirou para bater de bico, mas saiu muito desviado. O camisa 9 voltou a perder chance aos 30, quando Ramiro levantou bola para a cabeça e ele tentou o voleio, furando em bola.
Libertadores – Grupo 6
Grêmio 1
Marcelo Grohe; Ramiro, Geromel (Bressan), Fred e Marcelo Oliveira; Walace, Maicon, Douglas (Lincoln) e Giuliano; Luan e Bobô (Henrique Almeida). Técnico: Roger Machado.
Toluca 0
Sánchez; Gamboa, Jordan Silva, Pérez e Quezada; Navarro, Brambila, Velasco e Saucedo; Arellano e Lobos (Esquivel). Técnico: Reinaldo Rueda.
Gol: Ramiro (15min/1ºT).
Arbitragem: Gustavo Murillo (Fifa-COL), com Wilmar Navarro (Fifa-COL) e Alexandre León (Fifa-COL).
Cartões amarelos: Henrique Almeida (G); Lucas Lobos e Brambila (T).
Público: 34.628.
Local: Arena.
Fonte:Correio do Povo

Ao Vivo - Rádio Carazinho