Grêmio goleia o Atlético-MG e é vice-líder do Brasileirão

27 de maio de 2016

Foto: Dudu Macedo
O Grêmio dominou o Horto e goleou o Atlético-MG nesta quinta-feira pela terceira rodada do Brasileirão. Os comandados de Roger foram cirúrgicos nos contragolpes e incansáveis na defesa para vencer por 3 a 0 em Minas Gerais. Mesmo perdendo três jogadores por lesão na primeira etapa, o Tricolor manteve o sistema de jogo e garantiu os três pontos.
A terceira partida sem sofrer gols e os sete pontos elevaram os gremistas para o segundo lugar do Brasileirão, atrás do Santa Cruz apenas pelos critérios de desempate. O Galo escorregou para 14º lugar, com quatro pontos. No próximo domingo, o Grêmio enfrenta o Coritiba na Arena.
O Grêmio resistiu a uma pressão inicial do Atlético-MG e, com fortes contra-ataques, construiu sua vantagem no primeiro tempo. O Galo apostou nas jogadas aéreas, mas não conseguiu ameaçar efetivamente a meta de Grohe. Depois de abrir o placar, o Tricolor tomou o controle da partida e fez escore.
Controle defensivo e gol no contragolpe
A primeira grande chance da partida foi gremista. Aos 8 minutos, Douglas fez grande jogada, combinou com Luan que abriu para Giuliano. Livre na área, o meia chutou fraquinho e fácil para a defesa do goleiro. Na sequência, Henrique Almeida encontrou Luan na área e o garoto chutou forte no canto esquerdo. A bola bateu na trave e percorreu toda a linha até roçar na outra trave e sair.
O Atlético-MG respondeu aos 12 minutos. Grohe afastou mal uma cobrança de falta e a bola sobrou na entrada da área. Marcos Rocha cruzou e Cleiton cabeceou livre, mas mandou para fora. Mas as investidas do Galo custaram caro logo em seguida.
Aos 17 minutos, Douglas tocou de primeira para Giuliano, que rolou no meio da área para Henrique Almeida. O centroavante fez o corta-luz e Marcelo Oliveira entrou chutando, sem chances para Victor. O Grêmio que já havia perdido Fred, que deu lugar a Bressan, perdeu no gol, Henrique Almeida, que foi trocado por Everton.
Tricolor perde três jogadores, mas faz três gols
Logo depois, Marcelo Oliveira sentiu a coxa e também precisou ser substituído. Três lesões num tempo só, mas também seriam três gols… Aos 25, Maicon roubou a bola no meio e tocou para Luan na quina da área. Ele cortou para dentro e chutou cruzado, sem chances para Victor. O Tricolor ainda marcou com Everton aos 41, mas a arbitragem marcou impedimento que não existiu.
Mas Luan estava inspirado e, aos 47 minutos, guardou seu segundo gol do dia e decretou a goleada. Giuliano lançou Luan no contragolpe. Douglas correu para a área e pediu livre, mas o garoto driblou Edcarlos e chutou forte no canto direito. Victor tentou espalmar, mas nem chegou perto de evitar o 3 a 0.
Na segunda etapa, o Grêmio se postou firme em seu campo para aplicar forte marcação. Com duas linhas de quatro e apenas Luan ou Everton se revesando mais adiantados, complicou a vida dos donos da casa. Usando os contra-ataques, continuou ameaçando a meta de Victor. Aos cinco minutos, Walace recebeu de Douglas na intermediária e chutou forte, Victor conseguiu tirar com a ponta dos dedos a bola que ia no ângulo direito.
Defesa segura pressão do Horto
O Galo foi para a pressão e, aos 13 minutos, quase marcou com Hyuri. Cleiton levantou no segundo pau, o atacante chegava para conferir sem goleiro, mas Marcelo Hermes se antecipou e mandou para escanteio. Edilson, que dessa vez participou pouco no ataque, também foi essencial na defesa. Aos 25, tirou dos pés de Carlos o primeiro gol do Atlético-MG, também tirando para a linha de fundo.
Aos 26, Maicon fez falta em Cabixaba, na meia-lua, e obrigou Grohe a trabalhar. Patrick chutou forte no canto esquerdo e a bola explodiu no peito do goleiro gremista. Bressan completou para longe. O Galo insistiu nas bolas aéreas, tentou nos cruzamentos, mas a zaga tricolor segurou a goleada até o árbitro apitar o fim da partida.
Brasileirão – 3ª rodada
Atlético-MG 0
Victor; Marcos Rocha, Edcarlos, Tiago e Carlos César (Patric) ; Leandro Donizete, Rafael Carioca, Júnior Urso (Capixaba) e Hyuri (Pablo) ; Clayton e Carlos. Técnico: Marcelo Oliveira
Grêmio 3
Marcelo Grohe, Edilson, Geromel, Fred (Bressan) e Marcelo Oliveira (Marcelo Hermes) ; Wallace, Maicon, Giuliano e Douglas; Luan e Henrique Almeida (Éverton). Técnico: Roger Machado.
Gols: Marcelo Oliveira (17min/1ºT), Luan (25min/1ºT e 47min/1ºT).
Cartões amarelos: Pablo (A); Marcelo Oliveira, Luan, Douglas, Marcelo Hermes e Maicon (G).
Árbitro: Rafael Claus (SP).
Local: Estádio do Independência, em Belo Horizonte (MG).(Correio do Povo)

Ao Vivo - Rádio Carazinho