PROVA DO CONCURSO DA ELETROCAR É ANULADA E NOVA DATA ESTÁ MARCADA

4 de maio de 2016

Tags:Carazinho
Foto Grupo Gazeta / Ana Maria Leal
A advogada Dieniffer Portela Perotto Lopes, representando a empresa Legalle Concursos, de Santa Maria, que realizou o concurso da Eletrocar (Centrais Elétricas de Carazinho) veio a Carazinho nesta terça-feira (03) para tratar das reclamações feitas por pessoas que praticaram o concurso, inclusive, algumas dessas pessoas registraram ocorrência na delegacia de polícia.
Dieniffer disse em entrevista para a Rádio Gazeta que a Legalle assumiu toda a responsabilidade sobre a situação, e vai fazer uma nova prova, no dia 22 deste mês, novamente na Ulbra. “A Legalle Concursos tem muito interesse em regularizar essa situação, foram anuladas as provas do domingo, e refeito o concurso” ressaltou ela. Os inscritos devem entrar no site da Legalle e fazer a nova inscrição. Para quem perdeu aquela data, assim como quem pagou e não conseguiu fazer a prova, também deve se inscrever, bem como quem se interessou pelo concurso e não teve a oportunidade de se inscrever. O endereço é www.legalle.com.br
A advogada explicou porque houve essa falha na impressão das provas, causada por uma atualização no sistema da empresa, mas que tão logo souberam do problema em Carazinho, no domingo, fizeram uma reunião de cancelamento, e agora houve essa reunião com a Eletrocar para definir um novo cronograma, dentro de prazo razoável para a aplicação e novas provas. Os inscritos para a prova do dia 1º de maio não precisarão pagar novamente pela inscrição, mas devem refazer a inscrição no site. Pagam apenas as pessoas que não estavam inscritas e vão se inscrever pela primeira vez.
Dieniffer salientou que a Eletrocar não tem responsabilidade alguma no que ocorreu. “Nem a Eletrocar nem a Legalle, mas um sistema sobre o qual nos vamos pedir ressarcimento”.
 Fonte:Portal Gazeta 

Ao Vivo - Rádio Carazinho