Sindicato Rural lidera movimento para manter Frigorífico em Alegrete

27 de dezembro de 2016

Tags:Alegrete
Foto:Alegrete Tudo
No dia em que o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação de Alegrete, Marcos Rosse ajuizou na Justiça do Trabalho, uma ação contra a demissão em massa dos trabalhadores do Marfrig, lideranças locais se reuniram para discutir  o tema.

A reunião dirigida pelo presidente do Sindicato Rural, Pedro Piffero, contou com a presença do Prefeito Erasmo Guterres, do próximo Vice-Prefeito Márcio Amaral, Deonir Martini do Centro Empresarial e Marcos Rosse do STIAA.

Durante mais de hora, foram abordados assuntos sobre economia, mercado e perspectivas de um possível fechamento da planta local.

Todos rechaçaram veementemente o fechamento da planta da maneira em que a empresa oficializou.

Rosse comentou sobre os questionamentos realizados na última reunião com os diretores do frigorífico. “Vamos lutar até o fim para mantermos a planta funcionando”, reiterou o sindicalista.

Para Pedro Piffero chegou a hora de dialogar os novos rumos da empresa em Alegrete. “A crise chegou, temos oferta de gado, é necessária uma alternativa contrária ao fechamento”, comentou o líder rural.
O prefeito Erasmo destacou a importância de manter a planta em funcionamento e dialogar sobre o real interesse da empresa em permanecer no município.

Já Márcio Amaral se disse surpreso quanto a não continuidade do Marfrig. “Vamos conversar sobre as possibilidades deles continuarem em Alegrete e gerando emprego”, frisou o futuro vice-prefeito.

De acordo com Deonir Martini, serão centenas de desempregados. “O comércio vai sentir, a cidade e região vão ser afetados”, lamenta.
Uma reunião na próxima semana em Porto Alegre, vai reunir secretarias de Fazenda e Agricultura com alta cúpula diretiva do Marfrig.
Antes, uma carta com pedido e alternativas elaboradas pelas lideranças municipais, será enviada ao secretario Ernani Polo, para sensibilizar o Governo a dialogar com os dirigentes do Frigorífico.
Conforme Pedro Piffero, não foi definida ainda o dia da reunião na Capital, nem a confirmação de quais lideranças locais serão convidadas para participar.(Alegrete Tudo)

Ao Vivo - Rádio Carazinho