Deputada lança o Machistômetro para Combater Violência contra a Mulher

24 de outubro de 2016

Em uma iniciativa para combater a violência contra a mulher, a deputada Manuela D’Ávila (PCdoB) lançou um “machistômetro”, uma espécie de cartilha para chamar a atenção sobre comportamentos e atitudes praticadas contra mulheres e que devem ser observadas e/ou denunciadas.
O machistômetro inclui comportamentos desde “piadas ofensivas” e “ofensas” até “ameaça de morte” e “lesão corporal”. As atitudes seguem uma escala, com alertas como “Cuidado!”, “Reaja!” e “Busque Ajuda!”.
A deputada também disponibilzou o material neste link (http://manuela.org.br/wp-content/uploads/2016/10/machistometropdf.pdf) para que possa ser impresso por quem tiver interesse em divulgar a causa.
De acordo com a equipe da deputada, o material começou a ser distribuído na última sexta-feira, em audiência pública sobre “Direitos das mulheres e o combate ao machismo nas instituições de ensino”, que ocorreu na Câmara de Vereadores de Santa Maria.
Para ressaltar a importância da discussão sobre a violência contra as mulheres, a deputada lembra que “a cada dois minutos, cinco mulheres são espancadas no país. 35% de todos os assassinatos de mulheres no mundo são cometidos por um parceiro íntimo”. A deputada lembra ainda que, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), 7 a cada 10 mulheres já foram ou serão violentadas em algum momento de suas vidas. (Rádio Gaúcha)

Ao Vivo - Rádio Carazinho