Polícia contém princípio de motim na penitenciária de Santa Maria

28 de setembro de 2018

Uma confusão no pátio da Penitenciária Estadual de Santa Maria deixou 12 apenados feridos no início da noite desta quinta-feira. Os detentos da galeria C teriam se negado a retornar às celas depois do banho de sol, que se encerrou às 19h. O grupo se rebelou e passou a arremessar pedras e outros objetos em direção aos agentes penitenciários.
“Eles não obedeceram voz de comando e acionamos o Batalhão de Operações Especiais (BOE) ao presídio, que precisou fazer uma intervenção”, relatou o delegado penitenciário regional, Anderson Prochnow. Para conter a ação dos apenados, os policiais militares utilizaram balas de borracha.
Na ação rápida da BM, 12 detentos ficaram feridos. “A Samu foi chamada e oito detentos voltaram para a cela imediatamente. Quatro deles foram encaminhados para postos de atendimento, mas também já voltaram para as suas celas com curativos”, detalhou o policial. Prochnow garante que a penitenciária não enfrenta superlotação. “Temos 766 vagas e 860 detentos. Nesta sexta-feira vamos apurar as causas dessa ação dos detentos”, destaca. (Correio do Povo)

Ao Vivo - Rádio Carazinho